Preencha os campos abaixo para submeter seu pedido de música:

O caos de plástico

Compartilhe:

 

8 milhões
de toneladas de plástico são jogados no oceano por ano.

 

Em pleno século XXI com todos os avanços tecnológicos, a estupidez humana ainda impera. Tratando-se de meio ambiente sua preservação continua não sendo respeitada. Um bio-sistema destruído compromete centenas de espécies, que por sua vez compromete todo um bioma, o qual depende nossa sobrevivência. Garrafas Pets entopem bueiros, fontes e mananciais, comprometendo a vida de animais, que os confunde com comida. O pós guerra causou uma escassez enorme de recursos naturais, o que impulsionou a busca frenética por materiais sintéticos. Explodiu a produção de plásticos. Primeiramente foram sintetizados basicamente com combustíveis fosséis. Atualmente cresce a demanda de consumo de plástico. No mundo foi produzido nos últimos 15 anos, metade dos objetos plásticos do planeta, a maior parte dessa produção esta no continente asiático. Na China, o consumo de plástico chega a 29%. No mercado atacadista da província de Zheijiang existem mais de 70 mil estandes, onde se vende de tudo: piscinas infláveis, flores artificiais e utensílios de cozinha. Em 2015, totalizou-se uma produção de resíduos plásticos de 407 milhões de toneladas e atualmente chegamos ao número absurdo de 9,1 bilhões de toneladas de plásticos acumulados na terra. Tem relatos que cientistas encontraram plástico no estômago de animais que vivem nas fossas abissais, há 11km de profundidade no oceano. Matéria plástica se acumula em praias remotas do sul do Pacífico que ficam a 5 mil km de distância de áreas habitadas. O plástico forma verdadeiras ilhas flutuantes chegando a 1 milhão de km2. São identificados apenas 1% desse material na superfície dos oceanos. 99% restante são quebrados ou se tornam invisíveis, causando danos irreparáveis à fauna marinha. Esperamos que na era tecnológica haja uma mudança na mentalidade do ser humano, começando por ações a partir de seu próprio dia a dia.

 

Por  Elizabeth Zago
Ilha Comprida/SP

 

Deixe seu comentário: